top of page
Buscar
  • Foto do escritorLauro Criativa

Brasil x Coreia do Sul - Papo de crianças?

Atualizado: 6 de dez. de 2022



Nerdinin e Palu são dois garotos adotados por um casal do Catar, de férias na Bahia. O primeiro é sul-coreano e o segundo brasileiro e eles conversam enquanto os pais se deslocam de Costa do Sauipe para o Pelourinho.


Palu – Pai, viu como o Brasil é bonito?


Mãe – Seu pai tá ocupado no tablete mas é muito lindo mesmo. Olhem só... esta cidade tem um Quilombo “do Quingoma”.


Nerdinin – Você sabe o que é um Quilombo, né Palu?


Palu – Tá me chamando de burro é? Quem indicou vir aqui não fui eu pai?


Mãe – Deixa seu pai Palu. Foi você que falou do Pelourinho pra gente sim.


Palu – Não foi mãe? Tá vendo seu... (se dirigindo a Nerdinin). Tu acabou de tomar foi 4 dos brasileiros que vive chamando de burros... quem é burro agora? Nós somos é heróis, mesmo com Robin do lado de vocês... kkkkkk.





Nerdinin – Ah tá! Isso é uma presepada Palu. Nunca chamei você de burro. Você sabe que te amo (fala enquanto cruza os dedos). Te acho muito inteligente e você precisa parar com essa mania de perseguição.


Palu – Mas o Brasil é muito maior que a Coreia do Sul, tem muito mais gente, muito mais lugares pra conhecer... isso você nunca quer reconhecer. Você sabe que temos o Futebol e o Carnaval? E o Samba? A Amazônia?


Nerdinin – Tá. Você tá certo Palu.


Palu – Pai, ele tá fazendo de novo. Falando que tô certo com aquela cara de sul-coreano mentiroso.


Mãe – Já conversamos sobre isso “Nerd”. Você precisa ajudar seu irmão que é mais novo.


Nerdinin – Mãããeeeeeee...


Mãe – Por favor filho.


Nerdinin – Mas mãe?


Mãe – Mas mãe o quê?



Nerdinin – Já cansei de dizer pra ele que isso tudo que ele fala é passado. Só isso!


Palu – Oh pra maluquice dele?


Mãe – Como assim “Nerd”?


Nerdinin – Essa coisa de Carnaval, Futebol.... essas coisas todas que ele sempre fala. Existem desde sempre. Mas e o presente? Cadê as novidades?


Palu – Tá vendo mãe? Ele vive falando mal dos brasileiros.


Mãe – Palu, deixa seu irmão acabar. Quero ouvir você concluir seu argumento “Nerd”.


Nerdinin – Pra ser bem prático mãe, observe: estamos no Brasil, certo?


Palu – O que vem agora?


Nerdinin – Pera... Nosso pai está conectado em um Tablet Samsung neste SUV Hyundai, ambos da Coreia do Sul, o sinal de acesso à internet é fornecido por uma multinacional. Mãe, até este supermercado aqui à esquerda, Walmart, que vende comida, é de fora do Brasil.


Palu – Tá vendo Pai? Lá vem ele outra vez!


O pai para o que está fazendo, olha pra trás, e carinhosamente se dirige a Palu.





Pai – Filho, seu irmão pode até parecer arrogante, mas (agora se dirigindo a mãe) “Nerd” deixou de dizer que a Coreia do Sul já começou a colher importantes resultados na cultura também.


Palu – Até tu pai?


Nerdinin –É mesmo mãe. Ganhamos um “Oscar” em Hollyhood com o filme Parasita em 2020; a Netflix construiu um super espaço na Coreia do Sul para servir como estúdio de gravações, depois do recorde de visualização em streaming da Série “Round 6” e outras produções sul-coreanas, sem falar do fenômeno mundial sul-coreano da música que é o K-Pop. É sobre isso Mãe! O Brasil está parado, dando voltas em torno das mesmas coisas enquanto fica cada vez mais para trás.





Mãe – É Palu, são fatos muito contundentes. O importante é que você pode ser o que você quiser lá no Catar, só vai precisar se dedicar que você consegue filho. Te Amo


Palu – Não quero saberI O Brasil é maior, mais bonito, tem carnaval, futebol... Ele morro de inveja...


Nerdinin – Palu, você é brasileiro mesmo. “Não desiste nunca!”.


Pega visão!!!



bottom of page